Utilizamos cookies e tecnlogias semelhantes a fim de melhorar sua experiência no site. Ao continuar você concorda e aceita nossa  Política de Privacidade  

ANÁLISES & NOTÍCIAS SOBRE VEÍCULOS COM EMISSÃO ZERO

HOME CARROS MOTOS BIKES TECH MERCADO RACING STARTUPS CONTATO PESQUISAR

Mickael Maschio torna-se bicampeão do Elektra Future, motocross elétrico no centro de Saint-Tropez

2ª edição da prova pioneira utilizando motos elétricas Cake Kalk ocorreu em 27 de junho, no centro da turística Saint-Tropez, França

Por |
Campeão mundial de motocross em 2005, o veterano Mickael Maschio repetiu em 2021 a vitória na edição inaugural do Elektra Future – Foto: Divulgação Elektra Future

Desde o lançamento, a Kalk levantou uma pergunta: como seria um competição estilo motocross com a moto elétrica? A startup fabricante do modelo, Cake, até estabeleceu padrões de pista. E coube ao Elektra Future colocar a teoria em prática pela primeira vez ano passado em Saint-Tropez, França. Evento que em 2021 teve o mesmo vencedor da prova inaugural: o campeão mundial de motocross Mickael Maschio.

Conceitualmente o Elektra Future tem inspiração declarada na Fórmula E. Assim como o primo distante das quatro rodas, coloca o esporte a motor no centro do ambiente urbano. Algo possível pela propulsão elétrica e características de pista concebidas pela Cake: traçado estreito, curto, exigindo menos terra e agilizando a construção. O percurso pode ser concluído em cinco dias.

Pense no percurso como uma pista para downhill, mas construída em terreno plano. Propício à Kalk, moto ciclisticamente semelhante a uma bicicleta para downhill, mas com aceleração equivalente a uma moto cross 250 cc. Portanto, bastante ágil nas mudanças de trajetórias, e de aceleração estupenda.

Cake utilizou a propulsão elétrica para repensar na Kalk o conceito de moto off-road. E o resultado possibilita atrair leque de pilotos com diferentes retrospectos. Confirmado no pódio do Elektra Future 2021:

1. Mickael Maschio – campeão mundial de motocross categoria 125 em 2005

2. Victor Wenderoth – piloto de Extreme Enduro

3. Cyrille Lemoine – 12 títulos mundiais de jetski

Embora ainda nos primeiros passos, o Elektra Future ruma à consolidação. Além do apelo da localidade, o evento ganhou reconhecimento da Federação Francesa de Motociclismo. E começa a expandir atrações: além das corridas, foram realizadas apresentações com o três vezes campeão mundial de freestyle motocross, Remi Bizouard. E mais empresas marcaram presença expondo produtos, como Trevor, criadora de uma flat track elétrica, e ZooZ, fabricante de uma BMX elétrica.

Ademais, as duas edições do Elektra Future contribuíram para sedimentar o caminho para o One Design Global Championships, competição da própria Cake que será realizada em 20 e 21 de agosto, no complexo Gotland, Suécia.

EDITOR INDICA

RECEBA NOSSAS MATÉRIAS