Utilizamos cookies e tecnlogias semelhantes a fim de melhorar sua experiência no site. Ao continuar você concorda e aceita nossa  Política de Privacidade  

ANÁLISES & NOTÍCIAS SOBRE VEÍCULOS COM EMISSÃO ZERO

HOME CARROS MOTOS BIKES TECH MERCADO RACING STARTUPS CONTATO PESQUISAR

Moke, marca de jipe cult dos filmes 007, será puramente elétrica a partir de 2022

Em revitalização marca icônica criada em 1964 recebe aporte para acompanhar transição da mobilidade

Por |
Moke terá tração traseira, e o motor elétrico de 45 cavalos será capaz de levar o carrinho de 800 kg a velocidade máxima de 100 km/h – Foto: Divulgação Moke

Certos carros conquistam status “cult”. Caso dos Moke. O pequeno jipe inglês da década 1960 ganhou fama nos filmes de James Bond. Adquirida em 2015, a marca entrou num processo de revitalização. No qual o próximo passo será torna-se puramente elétrica em 2022.

A história da inglesa Moke liga-se a do Austin Mini. Os traços do jipe foram concebidos pela mesma mente criadora do icônico compacto, Alec Issigonis. E o visual simpático do Moke conquistou celebridades e locais paradisíacos. Mokes circulam pelo Sul da França e Caribe.

Para trazer o apelo da marca à nova era da mobilidade a agora rebatizada Moke International Limited (MIL) contará com impulso da EV Technolog Group. Firma especializada em investimentos financeiros em empresas de veículos elétricos.

Fundada em 2021, há característica distinta na EV Technology Group: o foco não está em aportes em empresas emergentes mirando milhares de unidades, mas em nichos com potencial de crescimento ainda não atendidos.

Moke será o primeiro aporte da EV Technology Group. E o valor não foi revelado. Porém, preservando o status Moke, personalidades da arte e moda participaram com EV Technology Group da rodada: o produtor de filmes Matthew Vaughn – responsável por Kingsman e Morris Goldfarb, proprietário da DKNY.

Todavia, Moke não conta apenas com imagem na jornada eletrificada. Entre os investidores está Glenn Earle, ex-chefe de operações do Goldman Sachs e atual membro do conselho diretor da Fiat.

A transição eletrificada da Moke já tem data marcada: a partir de 1 janeiro de 2022 não será mais possível encomendar versões a combustão. A previsão de entrega dos primeiros Moke elétricos é o 3º trimestre do próximo ano, ao preço de £ 29.150 – R$ 221 mil.

TÓPICOS RELACIONADOS

EDITOR INDICA

RECEBA NOSSAS MATÉRIAS