Utilizamos cookies e tecnlogias semelhantes a fim de melhorar sua experiência no site. Ao continuar você concorda e aceita nossa  Política de Privacidade  

ANÁLISES & NOTÍCIAS SOBRE VEÍCULOS COM EMISSÃO ZERO

HOME CARROS MOTOS BIKES TECH MERCADO RACING STARTUPS CONTATO PESQUISAR

Desvendamos as mudanças feitas na YZ 250F para tornar-se a elétrica EMX XF30

Moto cross elétrica desenvolvida a partir do conhecido modelo Yamaha chegará ao mercado no próximo ano

Por |
As pré-encomendas da EMX XF30 já estão abertas, mediante sinal de €950 e a previsão de entrega das 100 primeiras unidades é início de 2023 – Foto: Divulgação EMX

A EMX XF30 é uma Yamaha YZ 250F eletrificada. A empresa holandesa EMX Powertrain desenvolveu um conjunto propulsor elétrico (motor, controlador e conjunto de baterias) para instalação no conhecido modelo Yamaha. E o fará a partir de 2023, quando será possível adquirir o modelo por €18.750.

A EMX chamou a atenção pelo apoio recebido do braço europeu da Yamaha. E após o lançamento oficial da XF30, uma série de perguntas surgiram. Para responder às principais, fomos direto à fonte, o fundador da EMX, Elmar Dohms. Confira:

Zev.News - Quais modificações foram necessárias no quadro da YZ 250F para receber o conjunto propulsor elétrico?

Elmar Dohms - A beleza da XF30 é que não precisamos alterar nada no quadro para abrigar o powertrain. Este sempre foi o objetivo: manter a moto o mais próximo possível da original.

Zev.News – Por que desenvolver apenas o powertrain, e não o chassi inteiro?

Dohms - Como você pode concluir, esta é uma abordagem bem diferente comparada aos nossos competidores, ou de fabricantes de carros, que construíram um veículo do zero. Queríamos aproximar ao máximo ao que as pessoas já estavam acostumadas, e gostavam. Este é um princípio importante, mantendo em mente que a alteração de peso não comprometeria a manobrabilidade da moto.

Zev.News – E onde as motos serão fabricadas?

Dohms - As motos serão fabricadas no Automotive Campus, em Helmond, Holanda. É um “hotspot” na Holanda em termos automotivos e de alta tecnologia. Estamos trabalhando no mesmo local que, por exemplo, a startup de carros elétricos Lightyear. Assim como muitas outras startups e equipes estudantis afiliadas à Universidade de Tecnologia de Eindhoven.

Zev.News – Sobre o powertrain, o que foi desenvolvido pela EMX e o que será adquirido de terceiros?

Dohms - O powertrain foi completamente desenvolvido por nós. Do motor ao software. Tudo foi projetado por nós. Na verdade, até as baterias e os sistemas associados foram desenvolvidos internamente, trabalhando com a ELEO Technologies, uma outra empresa do Automotive Campus, que as produzirá.

Zev.News - Qual o perfil e experiência dos pilotos que testaram as XF30?

Dohms - Os pilotos variam de pilotos com experiência no Mundial de Motocross, ex-pilotos da Yamaha, por exemplo, a especialistas em enduro e trial. Houve vários retrospectos em termos de disciplinas e nacionalidades.

EMX XF30
Potência 30kw (40 cavalos) – motor de ímãs permanentes
Torque 187 Nm (eixo do motor) e 720 Nm (roda)
Conjunto de baterias 4.5 KWh
Recarga 1.2 horas: 80% e 1.5 horas: 100% conectado à tomada de 220V
Autonomia 2 horas de pilotagem no modo enduro
Relação 13/50
Peso 115 kg

TÓPICOS RELACIONADOS

EDITOR INDICA

RECEBA NOSSAS MATÉRIAS